Dicas para Corretor

Veja como criar vídeos para responder as dúvidas dos seus clientes e atingir muito engajamento

Confira neste artigo 9 dicas para criar conteúdos em vídeos e o passo a passo para colocar a estratégia em prática!

Todos sabem que gravar vídeos com conteúdo sobre o mercado imobiliário não é fácil, mas é um excelente recurso e que dá ótimos resultados. Mas, se o seu vídeo não tiver qualidade, a credibilidade do que você está falando pode ser reduzida.

Gerar conteúdo dá resultado sim, mas dá muito trabalho também!  Por isso, existem algumas dicas que são importantes para quem vai começar.

Lembre-se: crie algo que tenha a cara da sua empresa, que tenha uma periodicidade, e o mais importante: que seja útil e relevante para o seu cliente.

Antes de sair gravando: pare, pense, estabeleça uma estratégia e persista!

Confira todas as dicas e ouse!

1. Ter conhecimento sobre o que vai falar;
Para não correr o risco do seu conteúdo ficar raso, procure os profissionais mais qualificados sobre o assunto que quer gravar e faça uma pauta com eles. Se você vai falar sobre vendas, mas trabalha no marketing, por exemplo, selecione os melhores vendedores que você conhece e peça algumas dicas. Lembre-se de que esses profissionais podem estar na sua equipe.

2.Ter a cara da empresa: linguagem, tom e voz;
Se você pudesse definir sua empresa em uma pessoa, quem ela seria? Uma pessoa descolada? Séria? Amiga? Pense na imagem que sua empresa quer transmitir ao mundo e use esse tom de voz a seu favor na hora de gravar vídeos.

3. Vídeos de no máximo 2 min;
Não é nenhuma novidade que os consumidores hoje tem muita pressa. Ninguém mais tem tempo, ou paciência, de acompanhar conteúdos longos. Para gravar vídeos que tirem as dúvidas dos clientes, você precisa ser muito objetivo. Portanto, faça vídeos curtos.

4. Procurar youtubers como referência no seu ramo de atuação;
Os Youtubers estão em alta em todo tipo de mercado, e isso não exclui o imobiliário. Procure referências no seu ramo de atuação e veja o que você mais gosta nesses vídeos. Depois, amarre tudo à sua estratégia.

5. Ser divertido e descontraído;
Vídeos são formatos de conteúdos que interagem diretamente com o público. É quase um “olho no olho”. Portanto, evite formalidades ou tom de voz que dê a impressão de que você está distante do cliente. Quanto mais próximo conseguir ser, melhor.

6. Ter um cenário que fale com seu público;
Pense nos espaços que você tem disponível e em como eles vão se conectar com o cliente. Os conteúdos podem ser gravados no seu escritório, em frente a uma parede com os valores da sua empresa ou em um estúdio de gravação. Lembre-se: o cenário também tem um papel de comunicador.

7. Ter linguagem simples e didática;
Nada de usar termos desconhecidos ou complexos. Você pode passar a impressão de arrogância e isso é a última coisa que seu público espera. Use palavras comuns, que não exigem pesquisas avulsas de quem está assistindo o seu vídeo.

8. Ser inovador! Para isso não existe um modelo pronto;
Use sua criatividade para inovar na forma como você gera esse conteúdo. Você já assistiu um Youtuber e percebeu que ele tem um estilo de gravar vídeos diferente? É exatamente isso que estamos propondo aqui. A ideia é ser original e se diferenciar da concorrência.

9. Lembre-se: o óbvio para você, não é o óbvio para quem está fora do mercado imobiliário.
Algumas pessoas que começam a gravar vídeos caem na insegurança de produzir conteúdos mais rasos, mas lembre-se de que o óbvio para você não é o mesmo para o seu cliente. O consumidor tem muitas dúvidas sobre o processo de compra de um imóvel, por exemplo. Que tal começar com esse tema?

Uma boa forma de trazer conteúdos relevantes para seu público é prestar atenção nas dúvidas dos seus clientes. Se as dúvidas se repetem com frequência, você já tem as pautas para o seu conteúdo.

Agora que você tem as dicas para criar conteúdos relevantes, que tal dar uma olhada no passo a passo para produzir os vídeos?

-Escolha as principais dúvidas dos seus clientes;
-Faça uma reunião com a equipe para definir os temas dos vídeos;
-Com o tema escolhido, faça uma breve pesquisa sobre o assunto;
-Dentro do tema, crie uma história para envolver o público;
-Hora da gravação!
-Edite todo o material
-Pronto! Agora escolha a estratégia de divulgação on-line e off-line.

Esse texto tem como base a palestra da Raquel Trevisan, da Imobiliária Taperinha, apresentada no Conecta Imobi 2018.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *