Mercado Imobiliário

Área do minhocão ficará mais verde e mais valorizada?

Entenda o que pode acontecer caso o Elevado Costa e Silva seja transformado em parque

O novo Plano Diretor Estratégico do Município de São Paulo, em vigor desde 31 de julho, determina a desativação do Elevado Costa e Silva como passagem viária. Mas não há prazos definidos para a desativação, que pode ocorrer por meio da demolição ou da transformação, total ou parcial, da obra em parque.

minhocão são paulo
Deixar a área mais verde tornaria o local mais valorizado (Foto: Divulgação)

Na opinião de Claudio Bernardes, presidente do Secovi-SP, a tendência é que, se a área do Minhocão se tornar mais verde, ela também seja mais valorizada. “Isso porque os imóveis não terão mais na sua frente o Elevado, mas, sim, um parque ou uma área que vai agregar valor ao local”, argumenta.

Além disso, a valorização imobiliária atrai interesse também das empresas para a região e isso cria um círculo virtuoso.

Para Bernardes, naquela região poderia ocorrer algo semelhante ao que foi feito na High Line de Nova York, que era uma via férrea elevada e se transformou em um importante parque para a cidade. Uma área verde que agregou valor aos imóveis e trouxe uma nova área de lazer para a cidade.

“No entanto, é necessário pensar também sobre como ficará a questão do transporte, já que o Elevado Costa e Silva é uma via importante para o tráfego. O fato é que essa discussão deve considerar o impacto para o transporte, questões imobiliárias, urbanísticas e conceituais. Todos esses pontos são importantes e devem ser levados em consideração antes de qualquer medida”, analisa.

Para Bernardes, deixar a área mais verde, como um parque, por exemplo, tornaria o local mais valorizado e daria também uma outra vista para os imóveis da região, o que também é muito bom. Mas não é possível quantificar qual seria essa valorização”, avisa.

High Line

A High Line é um parque linear de aproximadamente 2,5 quilômetros construído em 2009 em uma via férrea elevada de Nova York. Atual sensação na cidade mais badalada dos Estados Unidos, fica a 8 metros de altura e atravessa três bairros relativamente pouco visitados pela maioria dos turistas: Meatpacking, West Chelsea e Hell’s Kitchen/Clinton.

Em 1930, quando a via férrea foi construída, estes bairros eram mais ocupados por indústrias e empresas de transportes. Agora, principalmente após a construção do parque, os galpões e fábricas estão sendo convertidos em galerias de arte, estúdios de design, lojas, restaurantes, museus e residências.

A grande sacada da High Line foi reciclar uma linha de trem antiga e abandonada em um parque verde, agradável e elegante. Além dos jardins, foram instalados bancos para leitura, descanso ou mera contemplação do Rio Hudson e do ritmo de vida dos nova-iorquinos.
É um passeio diferente, quase inusitado, mas que vale a pena.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *